Castração Social

projetocastracaosocial@gmail.com

Dra. Marina Dante

CRMV SC 3583 / CRMV SP 8190

(48) 3241-1567 / 99650-4039

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Blog » Vacinação contra a raiva é reforçada durante o mês de agosto
Vacinação contra a raiva é reforçada durante o mês de agosto

http://www.caesegatos.com.br/wp-content/uploads/2015/11/raiva.jpg

 

Agosto chegou e, com ele, também o período de vacinação contra a raiva. A doença que atinge humanos e animais é transmitida através da mordida de animais infectados. Por isso, a vacinação anual é obrigatória e auxilia no controle da doença.

 

Segundo o estudo Árvore de Valor, divulgado pela Comissão de Animais de Companhia (Comac), do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (Sindan, São Paulo/SP), a vacinação é a porta de entrada do animal na clínica veterinária. Nesta pesquisa, 28% dos tutores de cães entrevistados disseram que esta é a primeira razão para levar os animais ao médico-veterinário.

 

De acordo com a médica-veterinária membro da Comac e gerente de Produto Pet na MSD Saúde Animal (São Paulo/SP), Daniela Baccarin,  este período é fundamental para deixar as vacinas do pet em dia e manter visitas regulares ao médico-veterinário.

 

Os sintomas da raiva, segundo a especialista, são salivação em excesso, mudanças de comportamento do animal e de hábitos alimentares, dificuldades para engolir e até paralisia nas patas traseiras. “É necessário manter visitas regulares ao médico-veterinário e, caso o tutor observe algum comportamento diferente no pet, é preciso consultar um especialista de sua confiança”, alerta. Para ela, o médico-veterinário tem papel fundamental para prevenir a doença, cuidando da saúde e bem-estar do animal.

 

A mordida é a forma mais comum de contrair a doença. Como Daniela conta, para evitar que o pet tenha raiva, a principal forma de prevenção é a vacinação. “Além disso, evitar que o animal tenha contato (ou brigue) com animais desconhecidos pode ajudar”, insere.

 

A doença tem poucos casos no Brasil, mas zonas rurais, por exemplo, podem abrigar morcegos e outros animais infectados que, por consequência, podem transmitir raiva aos animais de companhia.

 

http://www.caesegatos.com.br/vacinacao-contra-a-raiva-e-reforcada-durante-o-mes-de-agosto/

Projeto Castração © 2015 - 2018. Todos os direitos reservados. CNPJ: 06.972.402/0001-34.

Projeto Castração SC: Av. Gov. Jorge Lacerda, 943, Campinas, São José-SC, (48) 3241-1567 / 99650-4039
Rua Laguna, 917, Bairro Oficinas, Tubarão-SC, (48) 99650-4039.

site desenvolvido por: www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2017 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3.